Se não, quem será que é o animal…?

  

Um dia eu estava numa universidade (não vou dizer qual delas, porque aparecerão raivosos defendendo a Ciência a qualquer custo!!!) e uma porta ficou entreaberta. Surgiu um cão com olhar perdido, amordaçado e com expressão de extremo sofrimento. Ele saiu da sala, tentando escapar, e os “cientistas” vieram buscá-lo rapidamente e, percebendo que eu vi o cão, fecharam imediatamente a porta, raivosamente….!!!

Todos sabemos que a evolução da ciência exige sacrifícios não só de animais como de seres humanos, muitas vezes. Mas não vamos sofismar, porque o sofisma é o pior dos argumentos. Existem, sim, experiências legítimas, mas isso não impede que sejamos contra os abusos e os absurdos. Há quem combata os males do capitalismo, mas que acaba defendendo experiências que muitas vezes são feitas por sádicos ou por desonestos que agem por ganância. Um título de “doutor” ou de “cientista” não é passaporte para a honestidade. Ninguém está “acima de qualquer suspeita” só porque tem um diploma. O que é sempre lícito, isto sim, é protestar, impedir e fazer campanhas contra ABUSOS e ABSURDOS. Não interessa que sejam acontecimentos “culturais” ou aparentemente revestidos de procedimentos “experimentais”. Dizer que um animal que sofre está sendo melhor tratado do que este ou aquele sujeito assim ou assado também não é argumento, é SOFISMA, porque então não seria o caso de defender que o animal continue sofrendo, mas sim que o sujeito seja melhor tratado. É preciso estar atento também às posturas defendidas meramente por vaidade, adotadas por categorias profissionais que se consideram uma “casta” e que, como qualquer outra categoria profissional, têm integrantes dignos, mas também podem abrigar canalhas. Enfim, cada caso é um caso. E a única forma de discutir o assunto é adotando o EQUILÍBRIO e o BOM SENSO. Nunca a vaidade nem o sofisma. Porque isto, sim, mais do que qualquer experiência que deixe de ser realizada, PRODUZ O ATRASO.   

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Spam Protection by WP-SpamFree